QiAlvenaria e o Projeto de Alvenaria estrutural

Escrito em 30/09/2014, por Juliano Demarche / 14 Comentários | Categoria: QiAlvenaria | Tags:

A engenharia é uma ciência que vem evoluindo a cada dia, e com a inserção de microcomputadores cada vez mais poderosos junto aos escritórios, muitos dos trabalhos repetitivos que eram efetuados pelos engenheiros estão sendo automatizado, refletindo em uma maior produtividade na elaboração dos projetos. Nesse cenário cabe ao engenheiro entender os conceitos do sistema projetado e utilizar o software como instrumento de trabalho para auxiliá-lo na elaboração dos projetos.

O QiAlvenaria foi desenvolvido para auxiliar o engenheiro na elaboração de seus projetos de Alvenaria Estrutural. Com alto grau de automatização e elaborado de acordo com as melhores práticas de projeto o QiAlvenaria garante alta produtividade na elaboração dos projetos, reduzindo os trabalhos repetitivos dos projetistas.

O desenvolvimento de projetos em alvenaria estrutural exige procedimentos diferentes dos tomados nos casos de projetos de estruturas em concreto armado. Por se tratar de sistemas diferentes, com filosofias distintas, o engenheiro não deve conceber soluções com base em conhecimentos aplicáveis ao concreto armado, deve nesse caso pensar em ALVENARIA ESTRUTURAL.

O que é Alvenaria Estrutural?

Alvenaria estrutural é um processo construtivo em que as paredes são utilizadas, simultaneamente, como elementos de vedação e como elementos resistentes às cargas, tanto verticais como horizontais. Assim o projeto de alvenaria deve apresentar as plantas de modulações (geralmente a planta de primeira fiada) e as elevações de cada uma das paredes, apresentando cada bloco e sua posição real de construção. Detalhar cada parede onera um tempo grande no desenvolvimento dos projetos, e com o QiAlvenaria esse tempo é reduzido, pois o programa possui alto grau de automatização, realizando as modulações e elevações de forma automática de acordo com o lançamento das paredes.

Premissas básicas de um projeto de alvenaria

A primeira premissa básica do projeto de alvenaria é o conceito modular. Para que se possa aproveitar ao máximo a solução do sistema construtivo em alvenaria estrutural, é importante pensar o projeto para alvenaria estrutural, com os cômodos possuindo dimensões modulares, evitando-se assim uso de pastilhas e quebras de blocos, o que garante maior produtividade. Contudo, sabemos que muitas vezes o projeto arquitetônico não possui as dimensões modulares, onde se torna necessário adequar os projetos em função da arquitetura não modulada. Com o QiAlvenaria podemos utilizar a arquitetura como referência para nosso lançamento. Definindo dois pontos, inicial e final, o programa distribui de forma automatizada os blocos ao longo da parede, respeitando o contrafiamento entre as fiadas, tornando o que antes era um trabalho manual e oneroso em um procedimento automatizado, gerando um ganho na produtividade.

No caso de arquiteturas não moduladas podemos utilizar algumas ferramentas para ajustar nossas paredes, buscando reduzir ou eliminar ajustes, que são indesejáveis pois prejudicam o sistema construtivo. Entre algumas ferramentas temos comandos para inverter ou trocar blocos estratégicos (blocos de cruzamento de paredes), ou mesmo utilizar ferramentas de desenhos CAD, como o “Arrastar” para alterar a dimensão da parede em planta, sendo que o programa se encarrega de atualizar as elevações. Por ser disposta sobre uma plataforma CAD, podemos utilizar todas estas ferramentas como auxílio para lançamento das nossas paredes utilizando, por exemplo, lançamento através de um comprimento definido pelo usuário, ou seja, podemos definir um ponto inicial e definir um comprimento desejado para a parede.

A definição da modulação é fundamental para que uma edificação em alvenaria estrutural possa resultar econômica e racional. Em edificações com dimensões não moduladas, sendo que os blocos não devem ser cortados, os enchimentos resultantes certamente levarão a um custo adicional e perda para uma construção racionalizada.

Quando elaboramos um projeto em alvenaria estrutural definimos uma família de bloco, que será composta por um bloco principal, na qual será baseada a modulação adotada, e blocos especiais, que serão utilizados em pontos específicos como o encontro das paredes, vergas e respaldo, por exemplo. Os blocos principais serão utilizados como blocos internos na parede, somente em locais especiais (abertura e encontro de paredes por exemplo) eles não serão adotados, dessa forma garantimos uma maior produtividade. Deve-se evitar o uso de blocos diferentes na mesma parede, exceto em casos onde se é realmente necessário, pois isso torna a execução mais lenta, reduzindo as vantagens do processo em alvenaria estrutural. O QiAlvenaria dispõe dos blocos normalizados, em concreto ou cerâmico. Devemos definir a família a ser adotada de acordo com nossa modulação desejada, sendo que, em geral, o programa utilizará os blocos principais como blocos internos e os blocos especiais para realizar as amarrações ou definir vergas e respaldo. Também é possível o uso de blocos internos diferenciados em algumas situações conforme recursos listados no final deste post.

Como as paredes de alvenaria serão elementos resistentes nesse processo, não possuindo somente a função de vedação, deve-se ter alguns cuidados. Além de garantir uma boa distribuição de paredes nas duas direções, deve-se também garantir o contrafiamento adequado entre as fiadas e a amarração entre as paredes, essa última de suma importância devido as transferências de cargas entre paredes adjacentes e concentrações de tensões que ocorrem nesses pontos. Desta maneira, o QiAlvenaria busca distribuir os blocos ao longo das fiadas de forma a garantir o contrafiamento adequado entre as fiadas e a amarração das paredes de forma automatizada.

Seguindo recomendações normativas e bibliografias de referência o QiAlvenaria possibilita ao engenheiro detalhar projetos de alvenaria estrutural, reduzindo tempo gasto nesses processos devido a automatização de processo que antes eram manuais, gerando maior produtividade na elaboração dos projetos de detalhamento de Alvenaria Estrutural.

Conheça mais sobre os recursos do QiAlvenaria:

Mini Curso

Recursos


Comentários

14 Comentários para QiAlvenaria e o Projeto de Alvenaria estrutural

  1. Moderador Blog QiBuilder says:

    Prezados Renato, Tadeu e Ivan

    A situação mencionada onde a utilização de blocos de uma família diferente da família adotada na modulação com intuito de ajustar a modulação em algumas situações foi entendida pela AltoQi, inicialmente havíamos entendido outra coisa. Entendemos também que se trata de um recurso útil na elaboração de projetos de alvenaria, onde a arquitetura não é a mais adequada. Por se tratar de um recurso que existe certa demanda de mercado, esse é tratado com maior prioridade pela AltoQi, e assim que possível poderá ser implementado. Contudo não estará disponível ainda para as próximas atualizações do QiBuilder.

    • Ivan says:

      Obrigado pelo retorno, Moderador.

      É bom saber que será implementado, ainda que não de imediato. Eu não adquiri o software ainda, pois quero adquiri-lo quando estiver completo e totalmente integrado ao Eberick. Que até então esteja implementado isto, assim espero, pois é muito importante no nosso dia a dia.

      Enquanto isso, sigo usando o software concorrente, mas desejoso de poder migrar para um software melhor e flexível à realidade do nosso dia a dia.

      Grande abraço.

  2. Ivan says:

    Moderador,

    Alguma novidade quanto às integrações do QiAlvenaria com o Eberick, além, claro, dele efetuar toda a parte de cálculo e análise, incluindo vento e estabilidade global?

    Desde já agradeço um retorno.

    • Moderador Blog QiBuilder says:

      Bom dia Ivan,

      A AltoQi tem grande interesse em realizar essa integração, contudo para esse ano não existe previsão para o Alvenaria Dimensionamento. Mais informações sobre os projetos da empresa serão publicados ainda esse mês no blog Eberick.

Página de comentários

Você deve estar autenticado para enviar um comentário.

Liberada as revisões 15 dos programas Hydros V4 e Lumine V4

Foram disponibilizadas as revisões 15 dos programas Hydros V4 do Lumine V4.

Lumine V4 Revisão 15

Para baixar a revisão 15 do Lumine V4 acesse:

Download Lumine V4 R15

Hydros V4 Revisão 15

Para baixar a revisão 15 do Hydros V4 acesse:

Download Hydros V4 R15

Para saber mais informações acesse “?” – “Conteúdo” – “Atualizações recentes” – “Versão V4” – “R15” – “Resumo das modificações”.

 

×

Liberada as revisões 14 do Hydros V4 e do Lumine V4

Hydros V4

Nesta versão, foram corrigidos dois problemas detectados pelos usuários desde o lançamento da Revisão 13.

Geral

Para baixar a revisão 14 do HydrosV4 acesse:

www.altoqi.com.br/download/hydros/V4/atualizacao/Hydros_Hasp_V4_R14.exe

Lumine V4

Nesta versão, foram corrigidos dois problemas detectados pelos usuários desde o lançamento da Revisão 13.

Geral

Para baixar a revisão 14 doLumineV4 acesse:

www.altoqi.com.br/download/lumine/v4/atualizacao/Lumine_Hasp_V4_R14.exe

×

Liberada as revisões 13 do programas Hydros V4 e Lumine V4

Foram disponibilizadas as revisões do Hydros V4 do Lumine V4.

Lumine V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Lumine V4 acesse:
Download_lumine_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Hydros V4 acesse:
Download_hydros_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4

×